quinta-feira, 27 de outubro de 2011 0 comentários

Globo: campanha petróleo x etanol

domingo, 23 de outubro de 2011 0 comentários

Ideia consciente, Etanol presente.

Por: Ludmila Guedes
segunda-feira, 17 de outubro de 2011 0 comentários

O etanol de segunda geração

domingo, 9 de outubro de 2011 0 comentários

Pequenas grandes atitudes...



Muitas emissões de gases do efeito estufa no mundo resultam de hábitos e ações individuais,
como o uso de automóveis e o aquecimento de residências utilizando combustíveis
fósseis, comum em países frios. Portanto, a redução das agressões ao meio ambiente passa necessariamente por uma mudança de atitude das pessoas.
Por: Ludmila Guedes
domingo, 2 de outubro de 2011 0 comentários

Por que o etanol de cana-de-açúcar é melhor?


Se o etanol é, em geral, menos danoso do que a gasolina para o ambiente, o que é produzido
no Brasil é o melhor do mundo. Para cada unidade de energia fóssil (gasolina, diesel) usada em sua produção, geram-se 9,3 unidades de energia renovável. Essa relação, chamada de “balanço energético”, é quase sete vezes maior que a obtida pelo etanol de milho (usado nos Estados Unidos) e quatro vezes maior que o da beterraba ou o do trigo (produzidos na Europa). Outra vantagem é que a cana, comparada com outras culturas, requer uma quantidade pequena de defensivos agrícolas. Várias pragas são combatidas sem agrotóxicos, por meio de controle biológico, e a erosão
é pequena, uma vez que o solo fica coberto a maior parte do tempo.
Por: Ludmila Guedes
domingo, 25 de setembro de 2011 0 comentários

Vídeo

video

0 comentários

Como o etanol ajuda a reduzir a poluição do ar e o aquecimento global?



O etanol polui menos o ar do que os derivados do petróleo porque é um combustível mais limpo (não contém certos poluentes, como o benzeno, que são prejudiciais à saúde e ao meio ambiente). Além disso, a sua queima é mais completa, reduzindo a quantidade de poluentes na atmosfera. O processo de produção e uso do etanol de cana-de-açúcar, que se inicia com o plantio da cana e termina com os gases que saem do escapamento dos carros, é responsável pela absorção de cerca de 90% dos gases de efeito estufa durante o ciclo de vida do combustível.
Por: Ludmila Guedes
 
;